Anuário Datafolha Top of Mind 2020

Anuário Datafolha Top of Mind 2020

Educação – Colégio

 

 

 

 

 

colégio que obteve o maior percentual de citações na pesquisa Anuário Datafolha Top of Mind foi o Farias Brito, com 13,8% das menções. Em seguida, aparece o Ari de Sá, com 12% das lembranças. Também com 12%, o Colégio 7 de Setembro. Considerando a margem de erro de quatro pontos percentuais para mais ou para menos, ficou caracterizado empate técnico entre os três na liderança.

Quando aplicado um recorte para a classe AB, o Colégio Ari de Sá foi citado por 18% dos entrevistados, enquanto Farias Brito aparece em seguida, com 16,4%; depois o Christus, com 12,9%; e, na sequência, 7 de Setembro, com 9,3% das menções espontâneas. No recorte para a classe AB, a margem de erro é de sete pontos percentuais para o total da amostra.

Fundado em 1935, o Farias Brito pertence à Organização Educacional Farias Brito, grupo que possui cinco núcleos que abrangem desde a educação básica à superior, com a FB UNI. O Farias Brito é especialista em vestibulares do ITA e IME e destaca na comunicação os índices de aprovação.

Tales de Sá Cavalcante, diretor-superintendente da Organização Educacional Farias Brito, acredita que o sucesso da marca se deve a uma característica particular ao cearense: “vencer fronteiras”. “São 85 anos realizando os sonhos de gerações de estudantes, incluindo os que desejam uma vaga nas universidades mais importantes do mundo, que é algo que as famílias não esquecem, e isso repercute.”

Já o Ari de Sá também conta com resultados expressivos nos vestibulares da mais alta complexidade do País e em olimpíadas nacionais e internacionais. Oto de Sá Cavalcante, presidente do Colégio Ari de Sá, lembra que em seus 20 anos o colégio “construiu uma imagem sempre pautada na ética, no compromisso com a educação, no cuidado com cada aluno e na excelente formação de seu corpo de professores, tudo refletindo no aprendizado diário dos estudantes”. 

Oto, ao lado do filho Ari Neto, comanda a Arco Educação, uma das maiores do País em sistemas de ensino, e a primeira empresa brasileira a abrir o capital na Nasdaq, a bolsa de tecnologia de Nova York.

O 7 de Setembro também foi fundado em 1935. A marca possui níveis de ensino que abrangem do infantil ao pré-universitário. Juliana Salomão, gerente de comunicação do Colégio, credita a boa colocação da marca no ranking à maneira como entendem e trabalham a educação. 

“São 85 anos oferecendo à sociedade cearense uma educação de qualidade, valores sólidos e a nossa parceria, preparando os alunos setembrinos para serem a melhor versão de si. Essa é a crença que compartilhamos com as milhares de famílias que dividem com o Colégio 7 de Setembro a formação de seus filhos.” O 7 de Setembro tem duas sedes em Fortaleza, no Centro e na Aldeota, e também opera um centro universitário, a UNI7.

Outros colégios lembrados foram Christus (6,4%), Liceu (1,9%), Tiradentes (1,8%), Master (1,5%), Lourenço Filho (1,3%) e Nossa Sra. das Graças (1%), entre outros menos citados. O índice de quem não lembrou o nome de nenhum colégio é de 6,2%. Na última edição, esse número foi de 9,4% das citações. De todos os colégios mencionados, o tradicional Liceu do Ceará é o único da rede pública de ensino e o mais antigo do Estado.