parceria

UFC e Sudene firmam convênio para estudos nas áreas de educação e segurança pública

21/01/2021

A Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) firmaram um convênio para execução de um projeto que buscará avaliar políticas públicas para educação e redução de violência. Os estudos elaborados pela UFC contarão com um investimento de R$ 480 mil e podem servir como base para alinhamento das ações da Sudene em ambas as áreas.

O Termo de Execução Descentralizada (TED) nº 14/2020 assinado entre as partes refere-se ao projeto “Avaliação de Políticas Públicas: Impacto da cota-parte municipal do ICMS na Educação; Educação Infantil: Oferta, Demanda e Medidas de Qualidade; e Nordeste Pacífico”. O projeto busca quantificar os efeitos da educação (infantil e fundamental) nos estados do Nordeste com foco na formação de capital humano, além de analisar a perda desse capital humano por meio de crimes violentos.

Com o convênio, a UFC torna-se Unidade Descentralizadora da Sudene e terá um prazo de 16 meses para a entrega dos resultados das pesquisas. O trabalho será realizado por uma equipe multidisciplinar e multicêntrica, composta por professores dos campi de Fortaleza e Sobral, alunos de graduação e pós-graduação das áreas de economia, finanças, psicologia e ciências sociais, além de servidores técnico-administrativos da UFC.

A cooperação é uma das estratégias da Sudene para viabilizar ações previstas no Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE). A instituição está passando por um processo de reavaliação dos fundos constitucionais e incentivos fiscais por ela disponibilizados e, nessa etapa de reestruturação, será iniciado um processo mais efetivo de aproximação com as universidades.

O prazo para a entrega dos resultados está definido para abril de 2022, porém a meta é entregá-los até o fim do ano.