Tecnologia

TJCE disponibiliza aplicativo que orienta população a transitar no Fórum Clóvis Beviláqua

08/02/2019
Crédito: Divulgação O acesso ao “Vai pra onde?” se dá exclusivamente por meio da rede wi-fi (TJCE-Portal) do Poder Judiciário

Quem está dentro do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza, agora conta com a ajuda do aplicativo “Vai pra onde?”, que localiza de forma mais rápida e precisa as unidades, os setores, secretarias e os serviços disponibilizados pela Instituição. A ferramenta, desenvolvida pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) está disponível e associa cada sala do prédio a um código conhecido como QR-code.

Para utilizá-la, é preciso ter em mãos um smartphone, apontar sua câmera para o código do destino escolhido, e aguardar os vídeos de orientação até a sala desejada. Os códigos estão expostos em murais nas duas entradas do prédio.

Nos aparelhos recém-lançados, a leitura é feita por meio da própria câmera, como se fosse tirar uma fotografia. Os dispositivos que não tiverem esse recurso, devem baixar um aplicativo leitor de QR-Code(no Play Store, se for Android, ou App Store, caso seja iPhone). O acesso ao “Vai pra onde?” se dá exclusivamente por meio da rede wi-fi (TJCE-Portal) do Poder Judiciário.

De acordo com o gerente de desenvolvimento organizacional, Welkey Costa, idealizador da iniciativa, a ferramenta vai otimizar o tempo de quem precisa circular no Fórum, seja para uma audiência ou algum outro serviço da Justiça de 1º Grau. “Por ser um prédio muito grande e estar em constantes mudanças, era comum encontrar alguém desnorteado ou que demorasse um pouco mais para encontrar o local sem pedir informações. Mas com o aplicativo vai facilitar bastante.”

O servidor acrescentou que “tudo foi pensado priorizando a acessibilidade dos usuários. O sistema utiliza preferencialmente o uso de rampas no lugar das escadas. No painel, o usuário pode consultar todas as unidades do Fórum. Com isso, basta selecionar para onde deseja ir, e o sistema mostrará cada trecho de forma bem didática.”

O Fórum Clóvis Beviláqua é considerado o maior edifício público horizontal da América Latina. A ferramenta foi desenvolvida pelas Secretarias de Tecnologia da Informação e de Planejamento e Gestão do TJCE